Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O castelo do Camelo.

O castelo do Camelo.

Marcelo, não quero a minha saúde dependente da tua fé

O perigo dos conservadores estarem no poder, fica bem claro nas palavras do Marcelo Rebelo de Sousa hoje.

Apesar de concordar com a maior parte do que ele disse sobre o Sistema Nacional de Saúde (SNS). Não concordo nem acompanho sobre o que ele diz em relação à confiança, que na verdade ele confunde com fé.

Confiança e fé não são a mesma coisa!!!

A confiança deve derivar de conhecimento com base em transparência, na previsibilidade fiabilidade e qualidade dos serviços prestados pelo SNS. E não só porque é bom para alguém que as pessoas acreditem na qualidade do serviço independentemente de ela existir ou não.

Não estou a dizer com isto que o SNS não tem qualidade, nem que é o melhor serviço de saúde do mundo. Estou a dizer que as pessoas devem dar valor a factos e à verdade. E não a fantasias.

É com base nos dados, nos factos e na realidade que precisamos de ser governados. E se continuamos a descarta-los para dar lugar à fantasia, vamos caminhar para a desgraça.

O SNS está como está! Tem coisas boas e coisas más. Se é melhor que tenhamos confiança nele, é obrigatório que essa confiança tenha como base um SNS que responde com qualidade às necessidades daqueles que recorrem a ele. Se não formos realistas quanto ao que ele tem de bom, mas também tem de mau, nunca vamos ter um SNS em que não ocorrem problemas graves como os que têm sido tornados públicos recentemente.

O Professor Marcelo, os conservadores em geral e quem mais quiser tem todo direito a ter fé. Até têm o direito a apelar a que os outros também a tenham fé. Mas eu não quero a minha saúde, nem a saúde dos portugueses na mão da fé, mas sim da realidade e nos factos. E também não quero que os portugueses fiquem cegos num optimismo imbecil com base na fé.

Mantenham a vossa fé longe da nossa política!

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D